quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Bienal de São Paulo

Os organizadores da Bienal Internacional do Livro de São Paulo finalmente divulgaram a programação do evento que será realizado entre 9 e 19 de agosto no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na capital paulista. Estão confirmados 480 expositores, sendo 346 nacionais e 134 internacionais, entre eles representantes da Alemanha, Suíça, França, Espanha, Bélgica, China, Coreia, Japão, Colômbia, Peru e Canadá. A presença estrangeira dobrou em relação ao evento de 2010.

Entre os escritores estrangeiros convidados estão o filósofo francês Bruno Latour, autor de “Reflexões sobre o Culto Moderno dos Deuses” e “Jamais Fomos Modernos”, o filósofo italiano Mauro Maldonato, autor de “A Subversão do Ser”, o romanista chileno Alejandro Zambra, “Bonsai”, e a americana Cecily von Ziegesar autora de “Gossip Girl.” 

 Entre os autores brasileiros estão Cristovão Tezza “O Filho Eterno” e Milton Hatoun, autor de “Dois Irmãos” e “Cinzas do Norte.”

A bienal homenageará Jorge Amado, Nelson Rodrigues e a Semana de 22. A programação cultural prevê ainda uma série de eventos organizados em sete pilares temáticos. O “Salão de Ideias” apresentará um panorama do mundo do livro e suas conexões com outros campos da cultura. 

O pilar “Deu a Louca nos Livros” será um espaço infantil com cenografia de Emanoel Araújo, curador do Museu Afro Brasileiro. O espaço “# Você + Quem = ? –“, dirigido pelo jornalista Zeca Camargo e curadoria-adjunta de Maria Tereza Arruda Campos, será dedicado aos jovens e promoverá encontros entre leitores e autores. Profissionais de áreas diversas também farão relatos sobre o que fazem de modo apaixonado.

“O Espaço do Professor”, orientado pela educadora Guiomar Namo de Melo, terá atividades que incentivam a formação do professor e o uso do livro em sala de aula. Os livros dedicados à culinária também terão um espaço próprio comandado pelo chef paulistano André Boccato, que comandará uma cozinha experimental no pilar “Cozinhando com Palavras.”

“Telas & Palcos” será um espaço coordenado pelo crítico de cinema Rubens Ewald Filho que terá como objetivo aproximar autores, dramaturgos, cineastas, músicos e artistas. E “Livros & Cia.”, coordenado do jornalista A.P. Quartim de Moraes, terá uma programação de palestras e debates sobre temas de interesse dos profissionais do mercado livreiro.

Fonte: Valor Econômico

Nenhum comentário: