domingo, 12 de setembro de 2010

Resenha Filme


Assisti ontem esse bom filme de Kevin Spacey chamado Shrink que em português quer dizer psiquiatra.

Na trama Kevin é Henry Carter, um psicólogo de atores e ricos em Hollywood, seu livro está na lista de Best Sellers, ele tem uma bela casa, dinheiro, mas atrás de todo esse sucesso esconde-se um problema não resolvido que o leva ao segundo significado do título do filme.

Na trama há uma citação do escritor Norman Mailer que usa a palavra shrink com o significado de encolher/diminuir :

"I don't think life is absurd. I think we are all here for a huge purpose. I think we shrink from the immensity of the purpose we are here for."

Ou seja, a trama utiliza essa citação quando o personagem de Kevin Spacey se vê rodeado de problemas que ele não consegue resolver, ele se "encolhe" parando de se preocupar com sua aparência, com sua carreira, iniciando assim um caminho de auto-destruição com o uso excessivo de drogas e álcool.


Mas existe uma luz no final do túnel de Henry, seu pai (Robert Loggia) indica uma garota de baixa renda que está sofrendo de problemas psicológicos e precisa de orientação, e ao lidar com a realidade dessa menina Henry terá que enfrentar de frente seus próprios problemas.

Nesse filme que mistura em doses homeopáticas comédia (as cenas de Robin Williams,claro) com drama pelas situações que vive Henry e seus pacientes.

Se você gosta do trabalho de Kevin Spacey não vai se desapontar com esse filme, mas não espere um filme para concorrer ao Oscar, ele cumpre seu papel que é de entreter e nos deixar com a sensação de que Kevin Spacey é um ator de talento para qualquer papel.


Recomendo !!!!!

Marcello Lopes
Foto: Google

3 comentários:

Edison Junior disse...

Esse filme deve ser ótimo, além dsso, gosto muito de Kevin Spacey. Já tá na minha lista.

Letícia Palmeira disse...

Preciso ver. Eu gosto muito do kevin Spacey e adoro essa coisa de crise existencial e autodestruição.

É isso.
Bjo.

PS.: E a citação me perturbou de imediato.

Andréa Mota disse...

a típica forma de desconstruir verdades.. quem precisa de psicólogos se eles mesmos precisam se cuidar? rsrs com todo respeito a profissão e ao amantes dessa ciência.. =P

o filme é muito legal mesmo.

o/