quinta-feira, 9 de setembro de 2010

A Dama do Cachorrinho e Outros Contos



O que acontece quando precisamos desabafar e ninguém nos dá atenção ?

Esse é a idéia de um dos melhores contos que eu já li chamado Angústia de Anton Tchekhov.

O personagem é um simples cocheiro que acabou de perder seu filho, e seu único desejo na história é encontrar alguém que ele possa conversar e desabafar sobre essa tremenda perda em sua vida.

O modo como Tchekhov retrata as ruas cobertas de neve e o clima cinza da estação dão um tom ainda mais opressor ao sentimento do personagem central.

O cocheiro tenta diversas vezes conversar com os clientes sobre o assunto, mas é sempre tratado de forma humilhante e desdenhosa, e durante muito tempo na narrativa o personagem central é oprimido pela indiferença das pessoas.

O que se vê na trama, escrita de forma simples mas que retrata a solidão de um homem que precisa desesperadamente colocar pra fora sentimentos represados e que aos poucos vão minando sua saúde.

Derrotado pela indiferença, o cocheiro encontra em seu cavalo o ouvinte ideal, a última opção para liberar seus sentimentos e sua dor.

Tchekhov nos apresenta nesse conto toda a crueldade da natureza humana.

Imperdível.

A Dama do Cachorrinho e Outros Contos
Ed.34 R$ 48

Um comentário:

Lou James disse...

Salve Marcello!
Excelente dica p/ quem gosta de breves contos.
Tchekhov foi um mestre da precisão escrita, um impressionista sem alegorias e um escritor extremamente objetivo, haja vista: "Pamonha", "Caso c/ um clássico", "Vanka" e o maior de todos que dá nome e encerra esse livro: "A dama do cachorrinho".
Essa edição merece estar na estante de todos os amantes da literatura russa.